sexta-feira, 23 de maio de 2008

CONVOCADOS - UM NOVO BATISTA


O Rebote inaugura agora a série "Convocados", que vai trazer papos rápidos com vários jogadores que integram as listas da seleção masculina para o Pré-Olímpico e o Sul-Americano.

JP Batista / Foto: CBB

Para abrir a série, a gente conversa com JP Batista, que trocou a Lituânia pela Letônia
e recuperou sua motivação.

REBOTE - O que mudou para você com a troca de time?
JP BATISTA - Sem dúvida, a troca me fez muito bem. Após ficar afastado por quase três meses no inicio da temporada, devido a uma contusão, a mudança foi inevitável, já que, no Lietuvos Rytas, eu estava sem espaço. Quando cheguei ao Barons, na Letônia, as coisas voltaram ao normal. Além da grande recepção que tive, voltei a jogar, recuperei a motivação e pude ajudar minha equipe a ter umas das melhores temporadas de sua historia. Estamos chegando ao fim dela com a sensação do dever cumprido.

JP Batista / Foto: CBB- O Moncho convocou sete jogadores de garrafão, e nem todos devem ficar no grupo final. Como vai ser essa disputa por vaga no elenco?
- Temos uma boa safra de pivôs nos últimos anos, com diferente estilos de jogo. Eu acredito
que isso tem se refletido nas últimas convocações, inclusive nesta. A disputa por posição
e espaço na rotação sempre existirá. Mas o respeito, a lealdade e o espírito de grupo prevalecem nessas horas. O que importa e ter um grupo forte e realmente apto a disputar a vaga olímpica.

- O que achou do Moncho? Ele já conversou contigo?
- Foi uma contratação acertada. A seleção precisava de um toque internacional. Sem dúvida, por toda sua experiência e história junto ao basquetebol europeu, o Moncho é um profissional que pode nos ajudar bastante. Já conversamos por telefone, logo após ele ter assumido o cargo, e nos falamos por e-mail também.

10 comentários:

Jones Mayrink disse...

Show de bola Rodrigo , parabens
espero q o JP possa jogar melhor q jogou no pre olimpico
seria muito bom pra ele e pra seleção

Anônimo disse...

Ótimo espaço, parabéns Rodrigo!
Eu gosto do JP, apesar dele ter ido muito mal no pré-olímpico. Acho que ele tem ao menos potencial pra jogar na seleção.

igorvudu disse...

Excelente ideia, parabens Rodrigão

Bert disse...

Muito bom!

Clóvis Rafael disse...

Parabéns Rodrigo!!!

Apesar do JP não ter tido uma apresentação digno no pré-olímpico, eu acho que ele foi sub-aproveitado naquela competição!!!!

Ele tem potencial e experiência internacional para nos ajudar!!!

Vcs irão fazer entrevistas com todos???? Será bacana!!!

Rodrigo Alves disse...

Com todos vai ser difícil, Clóvis, afinal são 32. Mas vamos fazendo com o máximo possível. Abração!

Cris Lima disse...

Excelente!!!
Boa sorte ao JP

Linelson disse...

Batista campeão da Liga da Letonia nesse domingo e com uma grande atuação
http://www.basketbrasil.com.br/site/content/view/3357/31/

Diego olinda disse...

estavamos precisando disso rodrigo parabens pela ideia, quanto ao JP eu o acompanhei durante esse final de temporada pelo barons, e ele mostrou um basquete de boa qualidade, mantendo-se sempre sua regularidade, acho q ele é um jogador que se for usado corretamente ira ser fundamental para a selacao, um abraco para ele e parabens pelo titulo conquistado hoje, sendo mais uma vez uma peca importante para sua equipe.

Clóvis Rafael disse...

Rodrigo e o caso do Leandrinho, vc está sabendo?????

Coloque-nos, a par desse assunto???? Me parece que ele não quer participar do pré-olímpico, pq????