quinta-feira, 29 de maio de 2008

"ESTOU COM A CABEÇA ÓTIMA"




A vida de Graziane virou uma montanha-russa nas últimas semanas. Titular do Brasil no Pré-Olímpico das Américas, ela foi cortada pelo técnico Paulo Bassul enquanto disputava as finais da liga húngara. Agora, com a lesão de Érika, a pivô de 24 anos está de volta ao grupo que vai jogar o Pré mundial na Espanha, a partir do dia 9 de junho. Ainda na Hungria, Grazi bateu um papo com o Rebote.

- REBOTE - Você foi cortada de forma até surpreendente, mas agora está de volta. Como você recebeu a notícia de que voltaria à seleção para o Pré?
- GRAZI - Tanto no corte como agora, fiquei muito surpresa. Eu não esperava ser cortada, fiquei um pouco triste, mas já estava conformada. Eu já tinha acertado minha volta para casa, já tinha até falado com a minha mãe para pedir uma comidinha, quando o Paulo Bassul me ligou na quinta de manhã.

- E como está seu estado de espírito para este retorno?
- Estou com a cabeça ótima. Sei que posso ajudar o grupo, até porque estou em ritmo de jogo.

- E como foi a final na Hungria?
- Foram boas. Tínhamos três jogos em casa, mas como perdermos o primeiro, sabíamos que seria difícil. Tivemos contratempos com lesões e isso dificultou. Mas elas eram um pouco melhores, mais experientes.

3 comentários:

Anônimo disse...

isso aih grazi, tem q levar na boa msm, vc n eh a primeira e nem a ultima q passa por essas coisas com a seleÇao...
boa sorte e arrasa!

Anônimo disse...

é isso ai PEQUENA , cabeça boa e SORTE E SUCESSO.

Eu Mesmo... disse...

Você merecia estar la desde o começo GRAZI mas como tudo acontece no tempo certo ai esta você né.
Então muita sorte sucesso pra você e é akilo arrasa e mostra pro Bassul que ele tem que trabalhar somente com profissionais e pessoas que amam representar a seleção brasileira como você.