domingo, 1 de junho de 2008

FLAMENGO COM A MÃO NA TAÇA


Marcelinho / Foto: CBB

Todo o discurso do Brasília sobre ficar atento no início da partida caiu por terra logo no início do jogo 2 neste domingo. O Flamengo logo abriu 13-0 no Maracanãzinho, com a diferença de que o adversário cortou a vantagem para três ainda no quarto inicial. Marcelinho fez no primeiro tempo 23 dos seus 25 pontos, e contou com Hélio e Fernando para cozinhar o jogo na volta do intervalo. A vitória por 91-76 deixa o Rubro-negro a um passo do inédito título brasileiro. A série continua na terça-feira, às 20h, na capital federal. Para voltar ao Rio, a equipe de Lula Ferreira terá de produzir muito mais do que vimos até agora. Mesmo com pouca torcida no ginásio, fruto da chuva que não pára de cair sobre a cidade, a superioridade carioca foi gritante nas duas primeiras batalhas. Agora, com tamanha vantagem, só uma catástrofe tira a taça de Chupeta, Marcelinho & Cia.

3 comentários:

jdinis disse...

Rodrigo,

Parabéns ao Flamengo pelos resultados e união/determinação do time (não somente no Brasileiro).

Entretanto, depois das duas "surras" que o Brasília levou e diante principalmente da postura omissa da equipe, pergunto: será que o insucesso da nossa seleção no Pré das Américas não teve uma dose importante de participação do atual técnico do Brasília - Lula?

Abços.

eZ disse...

E pra variar, mais um campeonato da CBB com um time bicho papão.

Ano q vem o Flamengo acaba e vira o Juventus de são paulo, c os mesmos jogadores ou Fogões Dako, injeta uma grana e tá feito o próximo time q vai ganhar tudo!

acho q tô ficando rabugento demais ...

Anônimo disse...

Vai dar Flamengo com certeza. O time de Brasília está apático e não tem respostas para o Flamengo. Ontem o MM Crazy Shooter deu uma declaração da qual gostei muito. Indago sobre a possibilidade de continuar "chutando" dos 3 ele respondeu que iria fazer oque o jogo propiciasse a ele. Se fosse para chutar, chutaria; se fosse para penetrar, penetraria; se fosse para passar, passaria. Não gosto do jeito dele jogar, mas não podemos negar que ele está fazendo um campeonato muito bom e isso está lhe dando muita confiança que talvez nos ajude bastante no pré-olímpico