terça-feira, 3 de junho de 2008

FLA ARRANCA O TÍTULO EM BRASÍLIA


Marcelinho / Foto: CBB

O jogo foi suado, disputado, tumultuado. E o Flamengo, com uma vitória na raça, arrancou seu primeiro título nacional. O placar de 101-96 no ginásio da Asceb fecha a série final em implacáveis 3-0, graças a mais uma atuação fenomenal de Marcelinho (40 pontos, cinco rebotes e 21 lances livres sem errar nenhum). O campeonato, é óbvio, fica marcado pela ausência dos clubes paulistas, o que só evidencia a crise no nosso basquete. Mas o Rubro-negro carioca não tem nada com isso. O clube investiu, contratou Marcelinho (que ainda sobra na turma aqui dentro), reforçou o elenco e agora colhe os frutos. Após cravar a melhor campanha da temporada regular, a equipe passou pelos playoffs feito um furacão, sem perder uma partida sequer nos três confrontos.

É claro que, sendo o basquete brasileiro, a história não poderia terminar sem um fato lamentável, quando a torcida do Flamengo explodiu três bombas na arquibancada. O chefe da comissão de arbitragem da CBB interrompeu a partida e só permitiu o início do quarto período após a chegada de quatro (!?) policiais militares.

Estevam / Foto: CBBDetalhe: o regulamento é claro ao dizer que o clube mandante deve "providenciar policiamento e segurança uniformizada, proporcional à capacidade de público no ginásio mas, em hipótese alguma, em número inferior a 10 policiais e 10 seguranças uniformizados". Cabe ainda ao Brasília "proibir a entrada no ginásio de [...] fogos de artifício ou similares". Ou seja, errou o Brasília, errou a CBB (que só agiu contra a falta de policiais no terceiro quarto) e, principalmente, erraram os vândalos na torcida, que deveriam estar na cadeia.

O último quarto ainda teve um princípio de tumulto entre atletas, que terminou com a expulsão de Spillers e Coloneze. E a invasão avassaladora da torcida, que tomou a quadra após a sirene final, um dia foi uma atitude romântica. Hoje, amigos, é coisa de várzea.

Diante de tanta coisa ruim, vamos fazer um esforço para encerrar este texto de forma positiva. Parabéns ao Flamengo, que ganhou seu título na bola e tem todos os méritos. Após esta excelente temporada, que incluiu também o vice na Liga Sul-Americana, tomara que o time se reforce ainda mais para se manter na elite.

14 comentários:

cibele disse...

Fui no estádio e só passei raiva. A começar por uma multidão de pessoas que nunca pisou no ginásio e que só tavam lá pra fazer baderna. Só faltaram gritar impedimento no jogo haha
Uma vergonha esses torcedores quererem bater no Spillers, tacarem bomba e muitas outras coisas, e ninguém fazer nada.
Todo mundo tá careca de saber que o Universo não tem estrutura pra receber esse tipo de torcida e um publico tão grande. Acho que fizeram de desentendidos.

E engraçado que esses 4 policiais nem tavam lá na torcidinha, garantindo a segurança. Tavam olhando a lua, só pode. Enquanto isso a criançada assistia o jogo assustada...

Alexandre Estefan disse...

Uma pena o que ocorreu na torcida, se não tem como garantir a segurança, que reduza o número de torcedores em quadra, até pq esse tipo de torcida não traz beneficio algum.
Fiquei feliz com a vitória do meu time, e o pouco brilho que esse Nacional teve foi graças ao Flamengo, espero que o clube mantenha o bom elenco e que leve o Sul-Americano na próxima temporada, e quem sabe.. um dia.. voltaremos a ter um Nacional decente.

Christian disse...

Algumas perguntas
1) Porque o jogo não foi no Nilson Nelson com capacidade para 20 mil pessoas????
2) Como se faz um jogo sem policiamento dentro e fora do ginásio???
3) Foi feita revista as pessoas????

Mas que o jogo foi muito bom e disputado ah isso foi.

rao disse...

finalmente um jogo disputado na final, pena q foi o unico
eu estava torcendo pelo universo, sou fã do Valtinho a anos e as atuações dela nas finais não foram boas infelizmente... ele e o Arthur não foram bem, e são jogadores com passagem em seleção brasileira, sem falar no Estevão que ta cada dia pior, uma pena pois virei fã do Valtinho justamente quando ele jogava em Uberlandia ao lado do Estevam e fizeram uma dupla sensacional, rendendo convocações para a seleção aos dois na época... hj ele é reserva do Spillers, sei lah o nome desse cara, sério, não sei da onde tiraram esse americano, mas o cara eh mtooooooo ruim, toma um toco daquele do Alirio, ele nem indo pra enterrada tava, sendo q tava sozinho, fora o lance sozinho novamente, ao invés de enterrar, tocou para o Ratto fazer uma bandeja... mtooooo fraco...

méritos ao flamengo e ao Chupeta, montaram um time bom, tds titulares jogadores com destaque no cenário nacional, dando finalmente um time descente ao Paulo CHupeta que vem a tempos sofrendo a frente do time do Flamengo com elencos ruins...


E a invasão avassaladora da torcida, que tomou a quadra após a sirene final, um dia foi uma atitude romântica. Hoje, amigos, é coisa de várzea. (2)

lisangelo disse...

E somos obrigados a reconhecer o valor e o empenho do Marcelinho. 21-21 lances livres! Isso eh coisa de quem treina muito.
Nao gosto, como muitos outros desta lista, da tatica suicida de ficar mandando bolas de 3 adoidado, tatica essa que vimos em demasia no Marcelinho na sua passagem pela selecao, mas percebam que quando falta uma lideranca dentro de quadra cada um tenta o que acha melhor.
Dentro e fora tambem. Por isso aparecem a cada dia 'solucoes' para o nosso basquete brasileiro. Tecnico estrangeiro, brasileiro, americano, selecao caseira...
Enquanto uma pessoa ou um grupo de pessoas nao bater no peito e falar bem alto 'Agora eh comigo' a coisa vai continuar como esta: uma varzea.

Pedro Trindade disse...

Primeiro de tudo, eu odeio o flamengo, a torcidinha (mulambada) então, nem se fala... acho que o jogo por envolver tantos marginais e até por se tratar de uma final de nacional merecia um outro palco e claro, maior segurança a todos.

agora, que dentro da quadra, o time do flamengo foi disparado o melhor do campeonato, isso não tem nem o que contestar... e queiram ou não os críticos do marcelinho, ele é um monstro em territorio nacional(e sulamericano), inclusive acho que a carreira dele só não foi mais vitoriosa e mais proveitosa(para a seleção) pq ele demorou de ir jogar na europa e ter treinadores com uma mentalidade mais avançada. De qualquer forma, se ele jogar como ontem e com moral, acho que pode sim ajudar (bastante) a seleção brasileira.

ja quanto ao time do brasilia, lamentavel!! acho que foi a final mais facil da história!! bem que eu falei aqui antes de começar a serie, o Valtinho pra variar amarelou. o ataque do time era pura desorganização. acho engraçado como no brasil tem gente que fala que o marcelinho é um lixo completo e que o valtinho é Deus, poutz... olha a diferença até de postura dos dois em quadra ontem. Alias, quem meteu 4 bolas de 3 on ultimo quarto ontem?!

Anônimo disse...

Graças a Deus acabou o decadente capeonato brasileiro de basquete!!!
A maior prova de decadência do basquete brasileiro é o peladeiro MARCELINHO ter sido o melhor jogador do campeonato!!!
Francamente, ainda há gente que acha que ele vai ajudar no Pré-Olímpico!!!

RASBRITO disse...

Na boa... o que é ESTEVAN?? e esse americano SPILLER??

Como é que alguem contrata um americano que não é bom de drible, nem de chute de fora, nem de infiltração e nem na defesa?!?!?

E como um pivô de 2.10 cm não consegue ser dominante?!?

Patético o time do brasilia..

Ganhou o flamengo merecidamente atropelando e mostrando ao Lula como ele é PÉSSIMO tecnico...

cibele disse...

No campeonato passado os jogos do Flamengo foram, de fato, no Nilson Nelson.

E não havia revista do lado de fora.

E quem falou ai do Estevam e do Valtinho, concordo em gênero, número e grau. E ainda boto o Cipriano na equação. Mas o Estevam conseguia estar pior que todos.

Anônimo disse...

Nilson Nelson tá em reforma para o mundial de futsal.

Beto disse...

Todos falam do bom campeonato do Marcelinho, mas ninguém fala do Hélio, pra mim o melhor jogador do time. Quando o Marcelinho começa a chutar desequilibrado, ele põe a bola debaixo do braço, corta o adversário (como ele está bem no 1x1!), e faz a bandeja. Quando a cobertura funciona, ele solta uma assist. Se não me engano, ele tomou um toco no jogo, numa jogada em que não tinha opção de passe. No mais, perfeito. Quem sabe ele não tem vaga na seleção do pré-olímpico, heim, Rodrigo?

Chrisitan disse...

O Hélio está convocado para o Sul-Americano, diante de tantas desistências e contusões se ele jogar bem de repente ele acaba ganhando uma vaga no pré-olímpico.

Anônimo disse...

Pedro Henrique


O Chupeta esta de parabéns, o trio Duda-Marcelinho-Hélio,carregaram o Fla nas costas, agora que desorganização tática do time de Brasilia, não poderia mesmo acontecer coisa diferente com o Brasil nas mãos do Lula,que coisa horrível!!!!!

Rodrigo disse...

Lula tem q se aposentar e levar o grego junto...

Parabens Flamengo, a historia so fala dos vencedores...