sexta-feira, 4 de julho de 2008

FALA QUE EU TE ESCUTO:


>>> "Tivemos um começo atípico"

ARTHUR, ala da seleção brasileira, na quinta-feira passada, quando
o Brasil perdeu o primeiro quarto para o Chile no torneio Super 4.


>>> "O time fez um jogo atípico"

O mesmo ARTHUR, nesta quarta-feira, quando o Brasil sofreu para derrotar o mesmo Chile por um ponto no torneio Sul-Americano.

>>> "Foi uma partida atípica"

MANTEIGUINHA, armador da seleção brasileira, nesta quinta,
quando o Brasil perdeu para a Argentina por 34 pontos.

38 comentários:

Npstr disse...

Até quando vamos ter esse comportamento ATÍPICO???

Depois querem o apoio da torcida.

Anônimo disse...

Depois do jogo da argentina, percebemos que esse atípico na verdade é a regularidade do Brasil. Que time horroroso, não salva um, eles dconseguem ser pior que o Duda e o Marcus. Que técnico horrível, que convovou essa porcaria de time. E alguem aida teve a coragem no blog de pedir o teichman e o caio torres na seleção. Me acorda, não pode ser verdade. O primeiro não sabe arremasr, bater bola, passar e não tem visão de jogo, no resto ele é completo, além de saltar muito. Osegundo segue a linha do primeiro, só que não salta. Que dupla, parece shaq q kobe, não?

Alexandre Estefan disse...

Amigos, o time foi horroroso.. mas vamos parar de reclamar da convocação, é o que temos.
Reclamem da estrutura do nosso basquete que torna cada dia mais díficil aparecer bons jogadores.

Anônimo disse...

Ah, então tá! Perder pra Argentina é atípico então. AH, VÁ PLANTAR BATATAS!

eZ disse...

hmmmm

Seleção caseira né ??

Campeonato forte, jogadores ótimos nos fundamentos, excelentes técnicos...

NÃO PRECISAMOS DO PESSOAL DA NBA!

Anônimo disse...

Nossa seleçãozinha "C" é bem atípica não???

Anônimo disse...

Calma gente....nossa seleção é a C....e a deles é a B.....vamos dar um desconto vai....rsrsrsrsrs

Renato disse...

Assisti até a metade, ontem.

Pelo jeito do placar "virou 20, fechou em 40", deve ter sido mais do mesmo no segundo tempo.

O que eu não me conformo é que, se a CBB fosse séria, dava pra montar um time só com a turma que ficou no Brasil e não vai ao pré-olímpico e enfiar os mesmos 40 pontos nesse timinho que está vestindo a nossa camisa lá.

Só que em vez disso vamos de "Chupeta e seus bebês".

Fora a convocação, o que se vê em quadra é o reflexo da aceitação interna da mediocridade nos nossos campeonatos internos. A execução dos fundamentos é ridícula e, como ninguém faz direito, fica tudo por isso mesmo.

Salvo raras exceções, a gente passa o ano inteiro fingindo que joga: finge que marca, finge que protege rebote, finge que executa um bloqueio direito, finge que dribla sem carregar a bola, finge que tem esquema tático. Até a arbitragem finge que apita.

Aí quando vamos pra fora e pegamos um adversário que dá uma apertadinha de nada na defesa, não sabemos o que fazer. O armador acaba tendo de armar de costas pro jogo, quase no meio da quadra, porque não tem recursos nem técnicos nem táticos pra sair de uma defesa minimamente decente. E daí pra baixo a coisa degringola.

Foi isso que eu vi ontem, foi isso que eu tenho visto sempre.

Aqui no Brasil acho que até há alguma esperança. Tem um ou outro time que parece não se conformar com a mediocridade geral e pôr um pouco mais de esforço em jogar direito nos fundamentos e na tática. Paulistano e São José me vêm na cabeça, porque mostram em quadra pelo menos um pouco mais de aplicação e novidade, mesmo contando com pouco talento individual em comparação com os outros (principalmente no caso de São José). Até por isso beliscam jogos de times com muito mais cartaz e investimento como Limeira, Assis e Franca. Mas só que... quantos jogadores do Paulistano tem nesse time, um só? Como é que entramos com uma dupla de pivôs ridícula como a de ontem, Caio Torres e Ben Wallace, e deixamos aquele compridão do Paulistano aqui no Brasil?

Fala sério.

Anônimo disse...

Enquanto isso......

O Suns anunciam o seu SUMMER LEAGUE ROSTER, e Marcus Vincius é dos convocados!

Será que ele não devia estar na Seleção?

Y.

Anônimo disse...

Calma, foi só uma confusão com as palavras. Não tem gente que confunde penumbra com membrana, poliglota com troglodita, nítido com lúcido? Então, eles confundiram atípico com apático. Foi só isso...

Bil disse...

Atípico é um técnico da seleção dizer que "defesa por zona cada um cuida do seu setor"... oras, isso nós falamos para meninos de 11, 12 anos... Atípico é termos Helinho e Rogério e irmos jogar com Diego, Teichman,etc...atípico é a falta de treinamentos minimamente adequados... fundamentos defensivos bem trabalhados... tivemos que ver no jogo anterior o Brasil marcando por ZONA contra o "poderosíssimo" Chile!!!!!!! Meu deus!!!!!!!
Fechem tudo e o último a sair apaga a luz, por favor.

Anônimo disse...

Nunca mais conseguimos classificar para as Olimpíadas. Daqui a pouco não nos classificaremos nem para o Mundial e daqui a pouco nem para o Sulamericano...
O Poço ainda da pra ser mais fundo...

Henrique disse...

Este é o retrato do nosso basquetebol.

Sem as desculpas de sempre:
"é nosso time B,C,X,Y"

"É um jogo atipico"

"Foi um grande aprendizado".

Aí Rodrigo, é a CARA DO NOSSO BASQUETEBOL, que em muitos momentos é:

- Arrogante para os mais jovens que se iniciam na carreira de técnico.

- Desorganizado na CBB e Federações.

- Sem estudo, pois o que vimos ontem foi um passeio de um sistema de jogo e padrão tático argetino igual da base ao adulto, sobre nós com um sistema de jogo de CHORAR.

- Arcaico em suas diretrizes.

- Previsivel e VAZIO na execução do jogo.


Ontem foi ruim como tem sido faz pelo menos 6 anos.

E A TAL GERAÇÃO DE PIVOS INCRIVEIS?

Como são supervalorizados por tanta gente pivôs comuns que tomaram um baile do Gonzalez ... que baile, que aula de basquete.


Sinceramente, este SULAMERICANO
é a FACE REAL do nosso basquetebol.

E pelo visto, estamos à anos luz da Argentina.

Mas até quando NOSSA ARROGÂNCIA (nossa não, da CBB, Federações, técnicos "vencedores") irá nos afundar ainda mais ?

Ate quando ?

Abraço.

Anônimo disse...

O FIM ESTÁ PRÓXIMO!
O ÚLTIMO QUE SAIR, APAGA A LUZ!

Anônimo disse...

O Henrique disse tudo. Tempos atrás o Sr Grego disse que: "BRasil, Argentina e EUA estavam um nível acima das demais seleções mundiais" (Isso é para chorar e não rir). Acaso não bastasse a nossa incompetência, ela também é temperada a fortes doses de arrogância.

Guilherme disse...

Tche,exatamente o que eu pensei em postar enquanto digitava o endereço do blog na barra de endereços. Três jogos atípicos. É dose

Henrique disse...

Retirado do UOL:
O técnico Paulo Sampaio manteve o discurso do atleta. "Nossa equipe entrou apática em quadra, não se impôs e a Argentina, como grande equipe que é, soube se aproveitar disso. Vamos conversar para elevar o moral do grupo, mostrando que temos condições de jogar melhor. Essa partida acabou não valendo nada, se vencermos a Venezuela e o Uruguai estaremos na final."

Pode parar ...

Se o TÉCNICO diz que NÃO VALEU NADA ESTE JOGO, PODE PARAR.


Eu desisto.

O técnico ACHA QUE NÃO VALEU NADA ESTE JOGO DE QUASE 40 PTOS ?!!?!


Em que MUNDO estamos ?


O Basquetebol Brasileiro daqui 10 anos estará no nível de Venezuela, Uruguai .. se já não está ...

Uma frase destas é verificar TODA NOSSA ARROGÂNCIA.

Como vamos vencer Uruguai e Venezuela com esta porcaria de jogo
(não chamo de basquete, nós não jogamos basquete ainda no torneio sulamericano). Este JOGO que fazemos pode ser chamado de tudo, menos de basquete.

É xingar muito o basquete e gostar muito pouco para considerar essas peladas da Seleção basquete.

Nem sair de pressão quadra toda nós sabemos ..

Que tristeza ...

Henrique disse...

O FIM ESTÁ PRÓXIMO!
O ÚLTIMO QUE SAIR, APAGA A LUZ!

________

Anônimo, o último já saiu e já apagou a luz ...

Porém a lanterna da arrogância se mantém acessa iluminando nosso basquete.

O resultado está aí ..

Anônimo disse...

Típicas são as atuações da "seleção". A argentina não fez sequer força para construir o placar. Marcou sem grande atropelo, arremessou quando tinha que arremessar, errou bolas bobas. O Brasil é que não existe como time sob o "comando" desse tal de Paulo Chupeta. Não há time titular. Todo mundo entra e sai sem qualquer explicação. O tal de Átila, que não jogou contra o chile, entrou no segundo qurto e, pasmem, jogou bem. Só que depois voltou pro banco e não entru mais.
Todo ataque do Brasil que tinha algum sucesso era construído individualmente por um jogador, que no ataque seguinte era marcado mais de perto, e então o Brasil entregava a bbola para a Argentina.
Arthur , tipicamente, arremessava sem direção. Drudi, no estilo Macelo Machado, arremessava com uma mecânica medonha de todos os pontos de dentro do perímetro, Diego "armava" o time.
Cadê o treinador?
Esses jogadores não são tão ruins, mas , mal treinados e sem um mínimo de coletivo é o que podem fazer. O Brasil vive, nos acertos e erros, daintuição dos jogadores, não há nenhum movimento coletivo coordenado, tanto no ataque quanto na defesa( a forma como o Brasil se posiciona impede qualer tipo de ajuda ou cobertura ao jogador que for batido, um reles bloqueio bem feito é igual a cesta fácil).
Dá até saudade do Lula.

Texano disse...

Típico.

Anônimo disse...

Que vergonha... so falta isso agora, a gente ficar de fora do pre-mundial. Seria mesmo o fim dos fins. O time da Venezuela, nosso proximo adversario, e exatemente o mesmo que jogou os dois amistosos contra o Brasil "A" no Maracanazinho... sorte do Brasl e que eles perderam os dois primeiros jogos.
E o Moncho ainda me vem com aquela historia de termos os melhores jogadores de garrafao!?!?!?

Roby porto

Anônimo disse...

O pior é que hei de concordar com o penúltimo comentário. Tá dando saudade do Lula! Aliás, me deu saudade do Hélio Rubens. Pelo menos ele se indignava com o time e destilava gritos para todos os lados!!

Anônimo disse...

calma gente, foi apenas alguns jogos "atipicos" mas a selecao esta no "caminho certo" para as Olimpiadas de 2012, ou entao 2016. "Perdemos no detalhe" mas estamos no "mesmo nivel que qualquer selecao do mundo". "Somos mais talentosos e temos melhores tecnicos, mas falta sorte." ALguem mais lembra alguma outra desculpa??? Pq eh tao dificil falar, nao jogamos bem e temos q melhorar?????

Anônimo disse...

Nossa... estou emocionado! Refiz minhas contas e havia me enganado. Ja estamos garantidos no pre-mundial... Ja que foi tao facil (!?) ficar entre as quatro potencias sul americanas, agora podemos convocar a selecao "C" pra garantir vaga na Turquia em 2010.

robyporto

cibele disse...

Saudade do Lula eu já acho exagero hahaha

Anônimo disse...

Se o Brasil não classificar pra copa América pode fechar o basquete nesse país. Fim de papo.

Artur Baguete disse...

Atipico + atipico + atipico = tipico.

Como sempre, vou na minha desculpa de "nao conheco basquete nacional": esse torneio tem alguma importancia em termos de valer vaga para algum torneio grande?

E outra, ja sabendo que teriamos uma selecao C em quadra, alguem esperava mais do que isso?

Abracos, Artur Baguete (voltei a ser Baguete, pq vi que tem outro Artur comentando de vez em qdo)

Anônimo disse...

Atípico é termos uma seleção dirigida por Paulo Chupeta !... Uma seleção com armadores como Helinho (genérico) e Manteiguinha !... Um time convocado não sei por quem, e que de "C", não tem nada; está mais perto de "D" ou "E", pois este time provavelmente não seria campeão nem do nosso "fortíssimo" campeonato nacional...
Muito triste assistir a isto !

Linelson disse...

Como foi o Hátila PAssos?

Renato disse...

Hatila Passos é o nosso Ben Wallace, certo? (prgunto isso pq assisto os jogos sem som na TV, e aí não dá pra ligar muito nome ao jogador).

Achei que até não foi tão mal, mas não é nada demais.

Se jogasse num time tipo Franca ou Assis, seria reserva.

MARCELO disse...

comentarios falou-se q é o q temos de melhor fora os nba e os q já estão na seleção do pré olimpico

pensei rapido e em 10 minutos saiu uma boa seleção muito melhor q esse lixo q esta ai

1-HELINHO(FRANCA)
2-ARNALDINHO(LIMEIRA)
3-MATEUS(FRANCA)
4-MARCIO DORNELLES(FRANCA)
5-FERNANDO FISHER(SUIÇA)
6-JEFFERSON(HUNGRIA)
7-MICHEL(ALEMANHA)
8-FIOROTTO(PAULISTANO)
9-DRUDI(FRANCA)
10-MARCÃO(SÃO JOSÉ)
11-TEICHMAN(LIMEIRA)
12-VITOR FAVERANI(UNICAJA-SUB 20)

jdinis disse...

Para cada fracasso do basquete brasileiro surgem algumas explicações superficiais:

- Quando levamos os "rodados" (e perdemos) alega-se que existe a necessidade de renovar, que eles nunca ganharam nada, etc.

- Tenta-se os mais novos (e perdemos) e diz-se que existem jogadores muito melhores que deveriam ser convocados (os "rodados").

- Diante da pobre oferta de jogadores de qualidade existente no Brasil, imagina-se que qualquer atleta que joga nos EUA ou Europa pode ser a solução (e geralmente não é).

- Quando a culpa não é dos jogadores é do técnico, que não sabe convocar ou descaracteriza ou estilo do nosso basquete (Hélio Rubens 2002) ou é ruim de todo (Lula).

Acho que não existe um fator, mas sim um conjunto de problemas que, somados, levam o basquete brasileiro ao estágio atual: o fundo do poço.

Trocar o jogador X pelo Y ou o técnico A pelo B não é a solução.

Abços.

Anônimo disse...

Arnaldinho não, só faltava mais um louco para chutar de três e que não marca nem a vó dele. Quanto ao Moncho é outro brincalhão. Temos os melhores pivos do mundo, só se for em sonho. Caio Torres é melhor que Stoudamire, Murilo supera Boozer, Baby enterra Howard. E esse teichaman, quem foi que disse que esse cara joga basquete.

leo aracaju disse...

Atípico é chamar isso que esses jogadores praticam de basquete.

Isso é qualquer coisa menos basquete.

Anônimo disse...

Gente , vc estao mais preocupados esperando o time perder pra vir qui e cornetar do que torcendo pro brasil... o time B deles ja ganhou do nosso principal ! TODO mundo que entende UM POUCO de basket ja previa q ia acontecer... mas todos insistem em vir aqui e ficar falando mal... a verdade eh que falamos q o basket vai mal no brasil , mas ngm faz questao de ajudar , só falar mal ! lamentavel...

Anônimo disse...

O último anônimo é um típico representante do pensamento reinante na CBB. Concordo que devemos torcer. Mas não precisamos nos emburrecer para isso. Não estamos aqui criticando somente uma derrota para a Argentina, o que nos dias de hoje e por alguns anos mais é absolutamente normal. O que não dá para compactuar amigo é com a arrogância, com as mentiras que nos são ditas e principalmente com um time que toma 40 pontos de outro e sequer reconhece a superiodade dele, ao invés disso "Atípico e atípico". Vamos combinar? Continuo torcendo como sempre, mas não vou ser acefálo.

Anônimo disse...

Êta Zé Boquinha....
Agora ele vem defender a falta do Helinho (Franca) para armador da seleção, na falta de Leandrinho e Valtinho. Afe!
Ele não conseguiu parar em lugar nenhum como tecnico, e como comentarista realmente é uma metralhadora verbal, fica no terreno das criticas, dos gracejos, com dor de cotovelo, e critica tudo e todos, portanto

Pergunto a ele:

1.Caso fosse o tecnico da seleção, e todos os jogadores se dispusessem a comparecer e o aceitassem, com carta branca da CBB, quais seriam os 12 jogadores da sua equipe ?

2.Quais os outros 12 da seleção B?

3. Quanto tempo duraria como tecnico da seleção?

Se as equipes estão desfalcadas, acho que deveria-se focar em atacar os "fujões" e a incentivar os jogadores que estão se dedicando às seleçãões A e B.

Já passou da hora de acomodar gente sem grandes qualificações e curriculo como comentaristas de basquete na TV.
Chutar cachorro morto é muito fácil, seu zé BOQUINHA. Fazer acontecer é que é trabalho para poucos!

Artur disse...

Ja falei que o Ze Boquinha eh um coitado, mas meteram a boca dizendo que ele eh o terceiro melhor tecnico da historia do Brasil...

Deve ser quase igual ser o terceiro melhor tecnico de futebol da historia do Marrocos...