sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

O REI DAS TIJOLADAS




Outro dia, o Fábio Balassiano escreveu um texto sobre o impressionante feito de José Calderón, que até agora não errou nenhum lance livre na temporada, em 59 tentativas - bem, algo me diz que ele vai desperdiçar o primeiro hoje, contra os mulambentos do Oklahoma City, mas tudo bem. O fato é que o site da ESPN foi para a outra ponta da história e revelou que Shaquille O`Neal está prestes a conseguir uma marca de respeito: tornar-se o segundo jogador da história a errar 5 mil lances livres na carreira. É ou não é fantástico?

Faltam apenas oito erros, amigos. E pela média de 2.7 tijolos por partida, o feito pode até acontecer no duelo de Natal, justamente contra o San Antonio Spurs do técnico Gregg Popovich, que adora um hack-a-Shaq. Detalhe: a estatística leva em conta apenas jogos da temporada regular, e não os erros em playoffs.

O único outro atleta da história a quebrar a barreira dos 5 mil foi Wilt Chamberlain (5.805), que no entanto tinha média de 45.8 minutos por noite, contra 36 de O`Neal. Wilt jogou cerca de 10 mil minutos a mais que o pivô do Phoenix Suns.

É claro que tudo isso entra no folclore, mas a velha questão se impõe: se Shaq já pode ser considerado um dos homens de garrafão mais dominantes de todos os tempos, imaginem se o aproveitamento dele na linha de lances livres, em vez de 52.5%, fosse, digamos, de 70%. Difícil entender como ele não conseguiu até hoje endireitar aquela mão grande e torta...

14 comentários:

André disse...

Eh muito facil falar, mas imagine a mao dele como deve ser grande! pega metade da bola! nao deve ter precisao nenhuma.... eh a mesma coisa tentar tacar uma bla de handball na cesta... vai acertar 50% mesmo!
Abraco

Anônimo disse...

andre, se voce treina com uma bola de basquete e tenta fazer um lance livre com uma bola de handball ou volei sera dificil, mas se voce treina com essa bola o tempo todo, sera normal.
concorda?

Anônimo disse...

toma ai uma boa lista de lances livres errados:

karl malone 3401 (74% de aproveitamento)

kareem abdul-jabbar 2592 (72%)

Hakeem Olajuwon 2198 (71%)

David Robinson 2166 (74%)

pivozada, vamo treinar!!!!!!

Jonathas disse...

errar lance livre já faz parte da personalidade do Shaq.
com certeza ele ficaria triste se passasse a acertar da linha do lance...
aehaueha

mas falando sério
desgraçaado Brando Roy, destruiu o Phoenix ontem.
parabens pro cara q jogou muito.
e valeu defesa do suns :P

Vagner Vargas disse...

Dwight Howard vai caminhando pra quebrar esse recorde também!

;)

Igor disse...

Incrível como Shaq erra lance livre.

Erra porque é ruim nisso, não treinou. POrque não tem essa de mão grande não, afinal o Yao é maior que ele, deve ter a mão maior e é bom nos lances livres.

Malone é o que mais fez pontos de lance livre, se Shaq tivesse uns 70% de lance livre iria quebrar fácil a marca do Malone. Ja teria 30mil pontos na carreira

Anônimo disse...

O tamanho da mão não tem nada que ver com isso. Nem a altura dele, como dizem alguns. O problema é o movimento, a mecânica do arremesso. É só olhar a foto que está no post. Com os braços abertos e os cotovelos tão separados desse jeito, não vai acertar mesmo nunca. Assim é muito mais difícil de dar direção e trajetória à bola. Essas coisas se não se aprende cedo, depois não se concertam mais. Mas (como perfeito só teve 1), apesar desse probleminha tem que respeitar o Shaq, pelo que já fez e porque ele ainda é um grande jogador. E está mostrando isso nessa temporada.

Anônimo disse...

nao eh porq o yao e mais alto que necessariamente tem que tre a mao maior

Técio Martins disse...

Cachorro velho não aprende truque novo.
É o que meu avô me dizia quando reclamava da minha mecânica de arremesso, enquanto ele praticamente chutava com a bola em frente ao rosto.

Voltando ao Shaq, ele simplesmente não foi lapidado para tal. Porque competência é o que não falta pra o nosso pivôzão.

Anônimo disse...

O cara da ESPN responsável por esse artigo, o Holllinger (um stat freak, vive dos stats e, tem bem cara que nunca tocou numa bola de basquete na vida, gordinho e com cara de bobo como ele tem) as vezes fala algo útil e na maioria das vezes fala um monte de baboseira... como esse artigo... Não dá pra dizer o que seria do Shaq se errasse menos Lance livres ou compara-lo com Wilt Chamberlain, levando em conta os minutos que o Wilt estava em quadra; por exemplo, se o Shaq errasse menos lance livre, provavelmente receberia menos faltas, especialmente em playoffs, Hack-A-Shaq nunca teria sido criada... errasse menos lance livres o jogo do Shaq mudaria um pouco, pois a marcação sobre ele e faltas tb mudariam. Hoje em dia é marcada muito mais faltas que no passado, hoje se espirrar perto de um jogador o juiz marca falta... no passado havia muito mais contato sem marcação de faltas... então, Shaq sofre mais faltas em menos tempo de quadra,se comparra-se um jogador igual Shaq no passado... em resumo, é uma leitura interessante para passar o tempo, porém uma grande baboseira do ponto de vista "científico", e reitero, como a maioria das coisas que o Hollinger escreve.

Alexandre Matos disse...

Po galera, é dificil pra caramba arremessar com mão grande. Vcs acham que pivôs não treinam?

Eles têm 70% de media pq treinam muito, senão teriam 30%.

O Oscar e a Hortencia, q têm mãos pequenas para os respectivos tamanhos, cansaram de defender os pivôs.

Eu ja cumprimentei o Oscar algumas vezes e a mão dele nem era maior q a minha. E eu tenho 1,79m...

Gabriel disse...

Igor,dizer que ele não treina ou não treinou é um erro.No seu livro "The Last Season - A team in a search of its soul", Phil Jackson fala um pouco sobre seus métodos e sobre o quanto ele treinou.NO final do capítulo ele diz que acredita em um coisa em relação ao lance livre do Shaq: sorte.
Ele disse tambem que seu aproveitamento subiu absurdamente com a contratação de um grande treinador de lances livres,mas que foi descartado pelos Lakers quando o cara exigiu cargo na comissão técnica.

Anônimo disse...

Só para lembrar: as mãos de Michael Jordan são descomunais de grandes, e isso sempre foi considerado uma vantagem no caso dele. Tem aquela célebre jogada em que ele finta o passe e mantém a bola segurando-a com uma só mão. Pra fazer isso tem que ter uma mãozona beeeeem grande. E não se pode dizer que ele tenha tido dificuldades com lance-livre, mesmo com os olhos fechados, hehehe.

Ricardo "Tio Zeca" Stabolito Jr. disse...

Se fosse questão de simples treinamento, Shaq teria conseguido um ótimo aproveitamento. Ele treinou muito, contratou "n" especialistas, e as coisas não melhoraram. Talvez, tenham atacado o problema de modo errado. Talvez, tenham atacado um dos vários problemas. A verdade é que a tal "falta de treinamento" do Diesel nos FTs é uma dos grandes mitos da Liga.

Este caso é um conjunto de problemas: mecânica, imprecisão, mão grande e outras variáveis.

Mas, também, convenhamos: se soubesse arremessar 70% ou 80% de lances livres, Shaq seria, simplesmente, uma competição injusta.

Abraços!