segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

MÁQUINA DE CHUTAR




Com seis chutes certeiros de longa distância na derrota para o Atlanta Hawks, Ben Gordon ultrapassou Scottie Pippen e
se tornou o jogador com mais cestas de três na história do Chicago Bulls. Confira aí os números dele em suas quatro temporadas na NBA (só na fase regular. E como a 2008-09 nem chegou à metade, não conta):

1ª temporada - 134/331 (acertos/total, 40.5%)
2ª temporada - 166/382 (43.5%)
3ª temporada - 155/375 (41.3%)
4ª temporada - 142/346 (41%)

Agora vamos fazer o mesmíssimo levantamento de quatro anos com um tal de Michael Jordan (ah, a segunda temporada dele também não conta, porque foram disputados apenas 18 jogos):

1ª temporada - 9/52 (17.3%)
3ª temporada - 12/66 (18.2%)
4ª temporada - 7/53 (13.2%)
5ª temporada - 27/98 (27.6%)

A comparação serve para nos mostrar como Michael Jordan praticamente ignorava os tiros de três no ínício da carreira. Com explosão suficiente para enfileirar defensores, ele preferia deixar a bola dentro da cesta. Ao longo dos anos, foi adaptando seu jogo, ampliou o repertório, afastou-se do aro e chegou a chutar 111/260 em 1995-96 e 111/297 em 1996-97.

Quer algo mais impressionante que isso? Pois saiba que John Paxson, famoso pelos tiros mortais, arremessou uma média de 60 vezes por temporada regular no primeiro tricampeonato dos Bulls. Ou seja, Gordon, com média de 358 chutes por ano, só pode ser um maníaco.

Ah, falando em Chicago, quer saber qual foi o único jogo da NBA que me fez pular do sofá? Então dê uma olhada na entrevista publicada no ótimo blog American Way Of Life, sobre esportes americanos.

4 comentários:

Maickel disse...

o ben gordon joga bem, ele até força alguns arremessos, mas ele tem média de + 40% pra 3, então tem essa liberdade. só que se aquele bulls que teve o big ben e varreu o heat não conseguiu se dar bem, agora é que não vai. Ano que vem o gordon vaza de chicago e vai pra ajudar alguma equipe que tenha um armador nato, ae ele não vai precisar criar as próprias jogadas e mtas vezes parado deve arremessar melhor. boa sorte pra pro maníaco... será q ele vai pro torneio de 3 pontos?

Henrique disse...

Rodriog, estou fazendo um levantamento sobre os jump shots de alguns jogadores na NBA.

Por nquanto Wade, LeBron, Kobe e Ben Gordon (o mesmo do seu texto, mas porque sou fã do jogo dele).
Um colega fez de LeBron com base na ESPN.COM, os meus eu baseio nos shot charts da cbsline.com e outro fez do Dirk.

Daí, caso tenha interesse, me contacte em um dos dois emails abaixo:

thierryhenry1308@hotmail.com

henrygon@uol.com.br

Será um prazer dividir os resultados até agora com você destes levantamentos.

Em duas comunidades do orkut:

(topico Jump Shots Reais)

NBA - Espaço de Discussão

NBA Brasil

deixo registrado jogo a jogo, com atualização semanal ou quinzenal, os resultados para LeBron, principalmente. Porém somente o aproveitamento.

Na minha pesquisa tem outros dados ainda que não divulguei lá.

Assim como no forum Draft Brasil, topico de mesmo no espaço para NBA tem os dados também, me lembrei.

E Gordon é bom mesmo arremessando. Em Jump Shots, ate o nono jgoo da temporada, ele tinha 49% de acerto.
Somados isso de tres e de dois pontos. Isso porque começou mais ou menos a temporada.

Ele tem um arsenal excelente e cria bem suas situações, pena que peca pela MEGALOMANIA, chutando demais em momentos que precisam de melhor leitura de jogo.

Mesmo assim, gosto dele, me remete à grande chutadores como Glen Rice e Allan Houston que gostava de ver jogador no passado.

Abaços !

leo aracaju disse...

Imaginem os sofrimentos dos pivôs que jogassem num time com Gordon e Machado juntos, hehehehehe.

Lesões irreversíveis nos pescoços, hehehehe.

Anônimo disse...

Que aproveitamentos sem-vergonha do Michael Jordan de 3! Mas vai questionar um mito...