quarta-feira, 31 de março de 2010

A FALTA QUE FAZ O ANEL




"Chegou a hora de encarar os fatos: LeBron James é o próximo Michael Jordan". Foi com essa frase, na lata, que o site da ESPN colocou no ar, na terça-feira, um artigo de John Hollinger. São espertos, né, sabem que esse tipo de debate atrai uma enxurrada de cliques. Hollinger é o criador do PER, somatório estatístico que tenta traduzir toda a produção de um jogador na quadra. E a tese dele é que LeBron pode ter a melhor performance de uma temporada regular na história da NBA.



Pela estatística, o posto pertence hoje a Jordan, que teve PER de 31.89 em 1987-88 (35p, 5.5r, 5.9a). LeBron, neste ano, está ali na cola, com 31.81 (29.8p, 7.2r, 8.6a). É claro que o PER não leva em conta, por exemplo, as seguidas cestas decisivas de Kobe Bryant, ou qualquer outro elemento intangível. Por outro lado, é inegável que LeBron tem sido um monstro.

Fato é que qualquer comparação com Michael Jordan me irrita. No caso de James, por mais que as temporadas regulares sejam fantásticas (e não só no campo estatístico), ele nunca vai se aproximar do mestre enquanto não levantar sua primeira taça. Se cair no meio do caminho nos playoffs, como aconteceu no ano passado, será novamente criticado, desacreditado, malhado publicamente.

Conquistar ou não um título não é o suficiente para avaliar se o jogador está entre os grandes – vide Malone, Stockton e Barkley, só para citar três contemporâneos de Jordan. Mas se a sua ideia é comparar alguém com o maior de todos os tempos, os anéis precisam estar na mesa. Que LeBron cuide de levar o Cleveland ao topo. Até lá, o PER será só uma estatística.

20 comentários:

PauloRJ disse...

Rodrigo, eu diria mais, Lebron tem que ganhar vários títulos antes de ser comparado a Jordan.

Se formos comparar somente feitos individuais, ninguém chega perto de Wilt Chamberlein...nem Jordan...e talvez eu colocasse Oscar Robertson como 2o lugar....

E ninguém pode dizer que o Lebron não tem um supporting cast decente. Ano passado já tinha um elenco muito bom, e esse ano é ótimo. Se não ganhar esse ano não vai ter desculpa.

Anônimo disse...

bill russel : 11 titulos.
e agora?

MJ so venceu o primeiro titulo no seu setimo ano na liga, com a ajuda do scottie pippen.

Anônimo disse...

Nao esquecam de Robert Horry, melhor q Lebron, ganhou 7 aneis da nba e perdeu todos huhueuhehue

Anônimo disse...

Acho que mais importante que os numeros de titulos, são a forma que esses titulos foram conquistados.

Lebron com certeza será um dos maiores ao final sua carreira, mas pra ser o maior, precisará crescer ainda mais.

Só o tempo e sua gana dirão.

O que levou o Jordan ao topo, foi justamente a sua eterna vontade de ser o melhor e estar sempre melhorando.

Será que o já Super Astro Lebron terá essa gana?

Abs

Alexandre Reis

Anônimo disse...

O status de "melhor" é sempre dúbio. Ao mesmo tempo que não pode fugir dos números, não passa simplesmente por números. No final, se torna um somatório de coisas tangíveis e intangíveis. Comparar LeBron a Kobe, por exemplo, pode fazer algum sentido: os dois são contemporâneos e disputam o mesmo torneio. Um mata o outro em um jogo, no jogo seguinte o outro mata o um. E quem matar mais é o melhor? Será só isso? E aquilo que não se mede? E a energia, a postura, a liderança, o comportamento em um determinado momento chave do jogo, que se não tiver a coragem de ter a iniciativa naquele exato momento, o jogo vai estar perdido? E a capacidade de ler esse momento? É bom notar que esse comportamento não necessariamente é a pontuação, ou dar um toco: pode ser um esporro em alguém, ou uma orientação, ou mesmo uma olhadela intimidante ao adversário. E esse momento pode não ser os últimos segundos, pode ser a hora da reação a um placar adverso, no meio do terceiro quarto. Esse tipo de coisa aparece em estatística? Isso é perceptível ou mensurável? Isso só percebe quem está dentro da quadra. Por isso acho difícil dizer se LeBron é melhor que Kobe, mesmo sendo os dois contemporâneos. Comparar LeBron a Jordan, então, seria muito pior. Mesmo depois de LeBron pendurar os tênis, se compararmos os números de títulos. Sempre vai haver o não mensurável, que na minha modesta opinião, são as coisas que determinam o quão bom um jogador é.

Gabriel disse...

E se quiser ser campeao,eh melhor faze-lo logo.Nao acredito que,por seu estilo de jogo,consiga manter essa intensidade.Ele nao tem o refinamento de Jordan e Kobe,por exemplo.Joga na base do contato fisico e de infiltracoes o tempo todo.Pra quem,como eu,se arrisca a enfrentar uma quadra de basquete todas as semanas,sabe o preco altissimo que os tornozelos e joelhos e costas pagam. Com esse estilo de jogo,ele nao mantera esse nivel por varios anos.Sem chance.

João Pedro TONHÃO #23 disse...

Não tem como comparar 2 jogadores q jogaram em décadas diferentes.. São estilos de jogo diferentes, adversários diferentes..
Mas como todos gostam de polemica e de dah palpites, vamos ver essa comparação durantes mtossss anos..!'

Anônimo disse...

"Chegou a hora de encarar os fatos: LeBron James é o próximo Michael Jordan".

Huahuahuahuahahuisahsiushaiushaishaishaihaishaishaishaishiuhaihaihaiahsih

Ahhh...

HihaihauhsiuashiusahsiuahsiahsihaihaihihihsiHIUAHSIUHSIAHShisHSIUAHSIUASHIa

Boa essa John Hollinger, conta agora a do papagaio.

Heverton Elias

Anônimo disse...

Lembrando ao Rodrigo que Jordan demorou também 7 temporadas para conquistar seu titulo.

Genaro disse...

Essa midia americana e essa babação de ovo no Lebron é ridicula.
O cara é o mito da temporada regular. Assombra na regular mas nos playoffs não faz metade disso.

A midia americana já o bota como o segundo melhor SF all time e alguns até como o primeiro a frente de Larry Bird. Tem que ter muita calma nessa hora.

Resumindo o Lebron em uma palavra Overrated.

Anônimo disse...

"Assombra na regular mas nos playoffs não faz metade disso."

HAHAHAHAHAHA

Que mundo esse cara vive ?

Amigo, já que estamos falando de médias, o James nos playoffs na carreira tem médias maiores que em temp.regular

Temp.passada as médias foram: 34 - 8 - 8

Ai vc diz que ele faz isso mas não leva o time ao titulo. Bom, ele já levou um time que tinha um quinteto titular: Larru Hughes - Pavlovic - James - Gooden - Ilgauskas para uma final de NBA, com quase o mesmo time, levou a 7 jogos uma série com o campeão Boston.

OVERRATED ? Beleza.

João Pedro TONHÃO #23 disse...

Tem gente q critica o Lebron sem ter oq criticar e inventa as coisa.. Penquise e depois critique caro Genaro..!'

Bruno disse...

Bem a mídia americana tenta de todas as formas diminuir o tempo natural de ascensão de Lebron e já fala nessas asneiras de melhor de todos antes do cara ganhar qualquer coisa.
Eu sempre fui um critico do Lebron, mas é inegável sua evolução como jogador e seu preparo atlético incrível.
Ele ao fim da carreira será um dos maiores, não tenho dúvida.

Por outro lado, vejo as estatísticas do Lebron, por mais espetaculares que sejam, como melhores do que ele é como jogador.
Assim como Robert Horry, para usar como exemplo, era mais importante do que suas médias de pontos, rebotes, etc., acho que as médias de Lebron são mais impactantes do que ele realmente é, por mais contraditório que isso seja.
Acho que Lebron é o mvp da temporada, e o time dele o favorito ao titulo.
E como sou torcedor fanático do Lakers e fã incondicional de Kobe, me sinto a vontade pra escrever o seguinte:pela primeira vez na carreira de Kobe, noto que ele não está jogando 100% do que pode, está assim como todo o time um pouco desmotivado, além de cada vez menos tentar as penetrações, e com isso ter diminuido seu número de lances livres.
Acho que parte disso é o fato do Lakers estar com a cabeça nos playoffs, e parte é a idade chegando, infelizmente.

Anônimo disse...

Tenho 30 anos e tive o prazer de ver o Jordan ganhar todos os seus anéis ... posso dizer tranquilamente ... que Lebron é realmente um GRANDE jogador, mas não dá mesmo pra comparar com MJ ... Malone, Barkley, Magic, Bird, Robinson e tantos outros Wilkins, Drexler, por exemplo tiveram que se render ao talento do CARA (claro que ele tinha um cara fenomenal ao lado dele ... PIPEN, e mais uns tantos que defendiam de +). Acredito que Lebron vai longe, deve ganhar alguns anéis, mas MJ não era só n°, estatísticas, tinha algo +

Dead boy disse...

Em 2003/2004, Carmelo teve números melhores que os de LeBron e levou o Denver aos playoffs, ao passo que o Cavs caiu na temporada regular.

Mas naquela temporada LeBron foi eleito o calouro do ano e eu não vi nenhum de seus fãs reclamando por isso. Por que não apareceu ninguém pra dizer: "Ele não podia ser eleito o melhor! Carmelo levou o time aos playoffs e tinha números mais vistosos!"?

Esses mesmos fãs, agora, dizem que os números são o suficiente para ele ser considerado comparável a Jordan. Interessante...

Leonardo Jr. disse...

Com está a audiência de TV da NBA nos EUA? Alguém sabe?

Anônimo disse...

rodrigo, de novo isso?
tá faltando tema?
isso é uma bobagem absoluta!

caiu de novo, hein!?
bruno fonseca

Anônimo disse...

Poo, a maior burrice e comparar qualquer jogador com o Jordan, e concordo com voce, pra começar a comparar o Lebron ele primeiro precisa ter um anel no dedo de campeão, coisa que nao vai sair esse ano!

Duda 11 disse...

Concordo plenamente com você, Rodrigo. Vamos esperar o desenrolar da carreira para ver o que acontece! Estatísticas são as "verdades mais mentirosas" do esporte....

fabricio disse...

primeiro ele tem que aprender a perder. ou sera que ninguem mais lembra o que ele (nao) fez quando foi eliminado pelo Orlando? óbvio que ele joga muito, mas é mkt demais.