segunda-feira, 24 de novembro de 2008

VIDA QUE SEGUE




Sem o seu habitual sorriso e com alguns quilos a menos, Leandrinho está de volta aos Estados Unidos. Após passar nove dias com a família em São Paulo devido à morte de sua mãe, ele treinou com o Phoenix Suns neste domingo. Mesmo abatido, confirmou presença na partida desta terça-feira, em Oklahoma. O relacionamento com os companheiros de time certamente é um alento para o brasileiro agora. Ele mesmo fez questão de citar a amizade com Matt Barnes, que perdeu a mãe no ano passado e chegou à equipe do Arizona na pré-temporada. "Ele tem falado muito comigo, agradeço muito o que tem feito por mim e pela minha família. Desde que ele chegou, nos tornamos amigos muito próximos", contou Leandrinho ao jornal Arizona Republic.

7 comentários:

Luis Fernando disse...

Força Leandrinho.....!!

Luis Fernando disse...

Ei Rodrigo, a NBA tá virando brasileirão héin......dois técnicos rodaram em uma semana...abraço..

SANDROSAMPA disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
SANDROSAMPA disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
SANDROSAMPA disse...

Força Leandrinho o importante foi que a sua mãe fez mais que o suficiente para e colocar no caminho certo do esporte.

Graças a Deus ela se foi com tempo de ver que vc conseguiu superar todas a dificuldades para se viver e vencer no esporte no Brasil.

Você já é um grande sucesso, que continue assim humilde , gente fina. Você não deve satisfação a ninguém a respeito de sua carreira.

Espero que vc continue feliz a sua carreira sendo exemplo para os mais jovens. E que não seja cobrado para participar dessa draga que é o basquete do Brasil;

Prefiro ver você, Thiago, Nenê, Vareja ou outro qualquer de longe mesmo, colhendo o sucesso que vcs mesmos plantaram, com ajuda de seus pais mães familiares e outros poucos abnegados do esporte,do que dando ponto pra essa corja que não quer largar o osso nunca;

Depois ainda vão te acusar de chapa branca por se submeter a tamanha desorganização;

São tantos bons profissionais que as vezes se submetem ao "status quo" do nosso basquete. Sei lá devem ter todos suas razões.
Tomara um dia todos acordem e percebam que, com as pessoas que estão aí, ou qualquer outra falsa oposição, nada vai mudar.

Para nós aqui no Brasil só resta ir ao funeral do Basquete Nacional no próximo ia 04 de Maio de 2009.

Para você Leandrinho e outros batalhadores que estão no exterior
toda sorte do mundo, quem sabe um dia quando as coisa estiverem mais limpas por aqui, tenhamos o prazer de ter a sua presença;

herlanildo disse...

Força Leandro...Deus a de ter propositos em sua vida.

use as adversidades como escadas

Luiz disse...

LEANDRO....
ALGUÉM FALOU QUE VC É A EXPRESSÃO MÁXIMA DO AMOR DA DONA IVETE, DA DEDICAÇÃO E DO CARINHO MATERNO. NÃO SE ABATA. MAMÃE NÃO FICARIA FELIZ SENTINDO ESSAS VIBRAÇÕES. ORA MUITO E MOSTRA A TODOS QUE O PRODUTO DAQUELE AMOR VALEU 'A PENA.

MUITA FORÇA . DEUS ESTÁ CONTIGO

LUIZ