sexta-feira, 28 de novembro de 2008

SOLUÇÃO ESTRANGEIRA?




Mesmo contando com atletas da NBA, o país vive momento difícil, de ausência sofrida nas Olimpíadas e maus resultados dentro da quadra. Fora dela,
a confederação aguarda as eleições e torce para que um técnico estrangeiro, espanhol para ser mais preciso, dê jeito na situação. Cenário familiar? Pois saibam que nós estamos falando da França, amigos.

A terra de Tony Parker retirou sua candidatura ao Mundial de 2014 e deixou a disputa para China, Itália e Espanha. Não deixa de ser mais um golpe para a seleção, que ficou fora de Pequim e não tem conseguido brilhar - é claro que a concorrência lá é muito mais forte. O salvador da pátria pode ser Pepu Hernandez, campeão mundial com a Fúria em 2006. A imprensa espanhola não acredita que o técnico aceitará o convite, mas seu nome tem sido sondado e certamente daria novo ânimo aos franceses.

Aliás, falando em espanhóis, alguém viu o nosso Moncho por aí? Não seria legal ele dar uma espiadinha no Campeonato Paulista?

9 comentários:

Alexandre Estefan disse...

Algumas diferenças, como bem lembrou a concorrência lá é mais forte e eles não vão buscar um estrangeiro, vão é buscar um bom nome para o comando, se é estrangeiro ou não, pouco importa, diferente daqui que se buscou um estrangeiro só para falar que era de fora, mas sem se preocupar com suas credenciais de treinador.

Anônimo disse...

Sempre criticamos os dirigentes do basquete brasileiro, o qual os fatos são sempre verdadeiros e precisam de urgência para a solução, mas vemos nós aqui, sabemos tudo o que se passa na NBA e em outros países e dos nossos campeonatos mesmo nada é comunicado nos blogs. Então nós mesmos amantes do basquete não nos interessamos em nossos campeonatos!
Acho que está na hora de um patriotismo maior e começar incentivando e acompanhando e noticiando nossos campeonatos.

abraços amigos,

Alexandre Estefan disse...

Amigo Anônimo, acredito que vc não acompanhe este blog e outros sobre o esporte, pois se fala muito do basquete nacional, eu sempre frequentei ginásios para assistir, mas de 2 anos para cá estou desmotivado e não vou mais, acho que o exemplo tem que começar de cima, quem se candidata a cargos que tem a responsabilidade, os blogs já fazem muito, na verdade fazem mais do que quem deveria fazer.
Ex: Site da federação carioca de basquete, os dados lá demoram anos para se atualizar.

Anônimo disse...

Na minha opinião o desinteresse pelo basket nacional é causado pelas atitudes dos dirigentes que tanto são criticados, e se não fossem a iniciativa de blogueiros, colunistas e jornalistas do setor saberiamos menos ainda sobre o basket nacional. Isso porque os caras tem a iniciativa de buscar a informação e coloca-la a disposição. A NBA é mais divulgada sim, devido a sua organização que se reflete em seu marketing e na sua comunicação. O resultado dos jogos da NBA são atualizados em tempo real. Aqui, no Brasil, quando se trata de iniciativasda federação ocorre é um processo de desinformação, reflexo da falta de organização do nasket brasileiro. Se dependéssemos apenas da federação para nos manter informados estariamos a pé.

Heverton Elias

Anônimo disse...

Dar uma espiadinha no campeonato paulista? Ninguém merece!

Maikon disse...

Mas pq o sujeito da foto tem escrito na camisa: "Esapaña"?

Maikon disse...

Mas pq o sujeito da foto tem escrito na camisa: "Esapaña"?

Rodrigo Alves disse...

Maikon, o sujeito da foto é o Pepu Hernandez, ex-técnico da Espanha, agora cobiçado pela França. Abraços.

leo aracaju disse...

Mocho foi importante mas acho que deveríamos contratar outro treinador estrangeiro.

Alguém em uma melhor condição física será necessário.