quinta-feira, 3 de junho de 2010

NBB: NA BOLA, TUDO IGUAL






Desta vez, ainda bem, o assunto é basquete. Após a confusão que monopolizou os comentários do jogo 3, a final do NBB chegou à quarta partida cercada por certo clima de tensão nesta quinta-feira. Mas o que se viu na HSBC Arena foi um jogo de basquete, nada mais que isso. Ponto para o esquema de segurança e para os jogadores, que limitaram a disputa ao terreno esportivo. A vitória tranquila do Flamengo (94-74), surpreendentemente construída sem a participação de Marcelinho Machado, força o jogo 5 na manhã de domingo, em Anápolis (GO).

Confesso que, antes da partida, fiquei com um pé atrás em relação à segurança, a começar pelo infeliz discurso do mestre de cerimônias ao microfone. A intenção era boa (pedir paz e tranquilidade à torcida), mas a execução foi péssima, falando mal dos fãs do Brasília e incitando ainda mais a rivalidade. O breve silêncio antes do Hino Nacional foi o bastante para surgir das arquibancadas um coro raivoso contra Alex.

Com a bola quicando, contudo, a tensão veio em doses normais: reclamações contra a arbitragem, uma trombada aqui, outra ali, nada mais. Na primeira falta do jogo, Valtinho foi ao chão, e Wagner o ajudou a levantar. Ainda no primeiro quarto, foi Wagner que caiu, e Nezinho lhe deu a mão. Tudo em paz.

A nota estranha da tarde foi que Marcelinho, enrolado com faltas, atuou apenas por 12 minutos e fez impensáveis dois pontos (em uma cesta no quarto período, quando o placar já estava decidido). Com o cestinha no banco, o irmão Duda fez sua segunda boa partida consecutiva: 20 pontos, 9 assistências, 4 rebotes, 3 roubos e 5/8 de três. Foi coadjuvado por Jefferson (18 pontos), Teichmann (17 e lances que levantaram a torcida) e Wagner (16). O Universo teve um Alex apagado no ataque. Salvaram-se Guilherme (mesmo assim instável, com 18 pontos) e Valtinho (14, além de 7 rebotes).

Resta agora ao Flamengo aguardar o julgamento do STJD, que pode ou não acontecer nesta sexta. Serão julgados Duda, Hélio, Wagner, Jefferson, Vitor e Dedé. Nos bastidores, a expectativa é que não haja uma suspensão em massa, até porque, se todos forem punidos, arrisco-me a dizer que não haverá jogo 5 – dos atletas usados normalmente, o Flamengo ficaria apenas com Marcelinho, Fred, Teichmann e os lesionados Alírio e Coloneze.



E você, o que espera do julgamento? Já tem seu favorito para a partida decisiva? A caixinha, como sempre, está aberta...

9 comentários:

Daniel disse...

Boa noite.
Fui ao jogo. Primeira vez na Arena HSBC. Fantástico a estrutura. Mas sempre temos algo a melhorar. Apenas 1 bilheteria para compra de ingresso! Complicado. Cheguei 15hs para entrar e so conseguir chegar no Segundo quarto. Mas mesmo assim valeu ter esperado. Jogo 5 vai ser muito bom. Abs

Anônimo disse...

Sinceramente, jogadores utilizáveis na Seleção Brasileira de ambos os times são apenas alex e Marcelinho; um por ter uma excelente defesa e grande força e explosão muscular,verdadeiro guerreiro, o outro apesar das reclamações sobre o seu caráter é um ótimo pontuador e assume a responsabilidade.
Guilherme Giovanoni não mostrou basquete suficiente para ser algo mais do que um reserva na seleção, errando lances bobos e forçando chutes de três; sem falar que defensivamente é sofrível.

Quanto ao jogo 5, a questão não é se serão punidos 1 ou 6 jogadores, mas que a justiça seja feita, se ficar provado que os 6 tiveram culpa,punidos serão; assim como a falta de organização do Universo/Brasilia no jogo 3.

Espero que o Brasilia jogue alguma coisa no jogo 5.

M.F.S.

Anônimo disse...

Julgamento? Pizza!

Márcio disse...

Não entendo como Lula Ferreira é técnico de time de ponta e já treinou a seleção. Nunca vi um time dele defender, chega a ser ridículo como seus times jogão mal na defesa. Hoje basquete se ganha na defesa, e só por isso o Flamengo equilibra a série, pois individualmente o Universo é muito superior. Se o Universo defender, o jogo cinco vai ser equilibrado, se não defender dá Flamengo.

David disse...

Não foi surpreendente que o Flamengo tenha vencido mesmo com a "ausência" de Marcelinho. Surpreendente é que tenha chegado até ali apesar do Marcelinho.
O Flamengo teve melhor repertório de ataque e o Brasília foi sofrível.Nezinho ser convocado é uma indecência.
Uma coisa que tem que ser discutida é a acomodação dos jogadores brasileiros. Parecem que não querem evoluir. Guilherme Geovanoni é um jogador de talento. Mas está fisicamente vergohoso.Está gordo, tal e qual Ronaldo Fenômeno. Muito lento na defesa. Poderia ser um ótimo 3, mas prefere ficar acomodado na posição 4, onde enfrenta jogadores mais lentos. Internacionalemnte, na posição 4, vai encontrar caras mais altos e mais rápidos.
O mesmo pode-se dizer sobre Teinchman. Tem o biotipo perfeito para ser um ótimo 3, mas joga na posição 4, onde aqui no Brasil pode aproveitar da lentidão dos adversário. Em jogos internacionais é engolido. Se rabalhasse mais os pés e o arremesso de média distência, poderia ser um ótimo 3, o que falta à seleção brasileira.

Régis Marlo - Campo Grande - MS disse...

Ah! Como é bom ouvir ótimos comentários. Parabéns aos internautas M.F.S e principalmente ao amigo acima David. Porque até então não tinha visto ninguém falar da pífia atuação do Giovannoni, acentuadamente na defesa. O cara está muito, mas é muito lento. Não consegue marcar. E realmente não tinha percebido que jogadores como ele e Teichmann poderiam ser melhores se tivessem atuando na posição 03.
Agora, o que eu espero do julgamento é que vai acabar mesmo em pizza. Apesar de achar que os jogadores devam ser punidos, vejo um lado positivo. que é ver um grande jogo com os melhores em quadara, e se o Universo quiser ser campeão vai ter que jogar basquete pra isto. O que não está acontecendo nos últimos quatro jogos, onde contou com muita sorte de vencer o jogo 2 e 3, quando o Flamengo cometeu erros infantis. Torço para o Universo por conta do mau caratismo de Marcelinho (melhor jogador da NBB pois não amarela), mas o favorito é o Flamengo por conta das péssimas atuações de Giovannoni, e do Alex também que não está ajudando muito.

Anônimo disse...

Eu espero que façam justiça no julgamento, se aqueles descontrolados do Flamengo que correram atrás dos torcedores não forem punidos vai ser revoltante.

joao disse...

mais um jogo no mais alto nivel do brasil - um lixo de defesa, acertos de loteria no perimetr e a espetacularização do mediocre.

o que me consola é que poderia ser pior (torno a dizer que 3 anos atrás nao imaginariamos uma final com tamanha proporção na mídia, mesmo sendo "só um pouco" direcionada ao Fla-rj

humbazine disse...

Hi from Athens,Grecia!

Could you add in the videos,some tools to watch these in full screen???

We am really interested in southAmerican basketball.